sobre livros e a vida

06/11/2020

Um Encontro de Sombras, de V. E. Schwab

A história se inicia quatro meses após os acontecimentos de Um Tom Mais Escuro de Magia. Delilah Bard juntou-se ao capitão Alucard Emery e tornou-se uma corsário, realizando seu sonho de navegar pelos mares. Além disso, a jovem garota da Londres Cinza descobriu uma aptidão para magia e está cada vez mais dominando seus elementos.

Enquanto isso, no castelo, Kell está lidando com as consequências de seus atos. O rei e a rainha perderam completamente a confiança nele enquanto Rhy ainda se culpa pelo laço de vida que os une. Agora, a única forma de Rhy morrer é matando Kell, e isso faz com que o Antari deixe sua vida de lado, para não correr o risco de ferir o irmão por acidente.

Esse ano, Arnes vai sediar a nova edição do Essen Tasch – Os Jogos Elementais. Trinta e seis competidores tanto de Arnes quanto dos reinos vizinhos, Vesk e Faro, lutam entre si e o vencedor ganha um prêmio fantástico. Quem está organizando o torneio é Rhy e ele vê nos Jogos a chance de Kell extravasar seus poderes, desde que disfarçado.

O capitão Emery vai participar dos jogos também e quando Delilah fica sabendo dessa competição, decide que também precisa entrar. Mas será que ela vai conseguir? E, retornando para a Londres Vermelha, como será seu reencontro com Kell?

Enquanto isso, na Londres Branca, um mal está retornando aos poucos. Um inimigo do passado de Kell está se reerguendo e com planos que ameaçam não só o Antari, mas também o destino de todas as Londres. Será que Kell conseguirá detê-lo sem ferir seu irmão?

Querem saber o que vai acontecer? Então não deixem de ler!

***

Um Tom Mais Escuro de Magia foi uma das minhas melhores leituras de 2017 e eu estava extremamente empolgado por sua continuação. Então, quando surgiu a oportunidade de lê-lo, não hesitei em passá-lo na frente de toda a lista de leituras. Contudo, o livro não foi bem o que eu esperava, mas mesmo assim não deixa de ser bom.

Um Encontro de Sombras segue a narrativa do livro anterior, alternando em terceira pessoa as perspectivas de Kell e Lila, além de acrescentar um personagem. As primeiras cem páginas foram bem morosas e eu fiquei me perguntando qual o objetivo de V. E. Schwab em iniciar essa continuação de forma tão lenta, comparando-se com o final do livro anterior.

A verdade é que esse segundo volume não é bem uma continuação direta de UTMEDM. Aqui temos o foco no Essen Tasch, enquanto aguardamos o clímax se desenvolver, para então ser trabalhado e finalizado no último volume da trilogia. E vou confessar que amei essa experiência.

Com esse estilo de narrativa, Schwab teve a chance de desenvolver melhor os personagens e suas características mais marcantes. Comparando-os com o primeiro livro, temos protagonistas mais maduros e experientes. Isso fica bastante evidente em Delilah e Rhy, que com certeza roubaram a cena neste segundo volume e mostraram ser tão protagonistas quanto Kell.

O final foi eletrizante. As últimas 100 páginas foram lidas por mim com uma avidez que há tempos não encontrava em uma trama. Conforme a autora foi construindo o desfecho e fui percebendo para onde as coisas se encaminhariam, meu queixo caiu e ficou assim até eu virar a última página. Não o bastante, Schwab finalizou a obra com um cliffhanger daqueles, que me deixou extremamente ansioso pelo último livro, que deve ser lançado este ano pela Record.

Um Encontro de Sombras é uma obra sensacional que apesar de ser considerada por muitos inferior ao seu predecessor, tem seus grandes méritos e me arrebatou de um jeito excepcional. Sendo assim, deixo aqui minha recomendação a todos. E que Victoria Schwab domine o mundo logo!

*Resenha postada originalmente por mim no Blog Recanto da Mi.

Ei, eu sou a Barb, tenho 27 anos, sou baiana, estudei Letras e compartilho conteúdo desde 2010 na internet. Por aqui, escrevo sobre tudo que faz meu coração bater mais forte.

Se inscreva no meu canal do youtube

Além do meu amor pela leitura e pelas histórias de romance, eu compartilho vlogs sobre a minha rotina e trabalho, mostrando como é a vida de uma baiana morando em Madrid, na Espanha.

Ei, inscritos no Telegram

Faça parte do nosso grupo aberto e gratuito no Telegram. Lá os inscritos recebem novidades, conteúdos exclusivos, além de um podcast semanal (em áudio) sobre o que se passa na mente da criadora de conteúdo.

Telegram

Quer receber minha newsletter?

Vamos conversar mais de pertinho? Enviamos conteúdos semanais sobre assuntos mais intimistas: reflexões sobre a vida e situações cotidianas.