sobre livros e a vida

27/01/2017

Tá Na Estante :: ‘Sua Secretária – Desfeita’ #629

Heeey, gente. Tudo bem???

Esta semana eu resolvi pegar um livro que recebi há muito tempo e que tinha mencionado no vídeo de livros de romances que quero ler. Agora vou contar um pouco sobre a leitura.

Livro: Sua Secretária – Desfeita
Autora: Melanie Marchande
Editora: Giz Editorial
Páginas: 256
Sinopse: Depois de cinco anos trabalhando para o sr. Ryan, a paciência de Meghan com as manias e a grosseria do chefe bilionário já está no fim. Não importa que ele seja bonito e sexy…Para suportar a pressão, ela busca refúgio na leitura de uma série de livros eróticos escritos por Natalie McBride. Meg se torna fã, chegando a trocar correspondência com a autora.Mas seu mundo vira do avesso com a revelação de uma incrível coincidência: Natalie, na verdade, não existe. Os livros foram escritos por seu detestável chefe. E ele, sem saber que “Sua Secretária” é uma fã, pede a ela que encarne Natalie McBride em eventos de divulgação dos livros.E não é apenas isso que Meg descobre. Ryan tem vários outros interesses; e ela faz parte de todos eles.A tensão entre os dois aumenta até que um tórrido e complicado caso de amor comece.Com humor, reviravoltas e cenas sensuais que farão este livro pegar fogo em suas mãos, “Sua Secretária” certamente vai te surpreender, fazer rir, chorar e corar.

Meghan é secretária do Sr. Ryan há cinco anos e é ela quem faz a empresa ser no mínimo tolerável para os funcionários, já que o chefe, e dono de todo o império, é um carrasco. À princípio ela ainda baixava a cabeça para as loucuras do patrão, mas de uns tempos para cá percebeu que responder era sempre a melhor opção. Desde então vivem em um saudável embate dentro do escritório.

Mesmo amando o que faz, Meghan sente que abdica um pouco da sua vida em nome do emprego, mas ainda não está disposta a mudar algo quanto a isso. Em uma noite na qual havia bebido mais do que o de costume, a jovem navegou pelo site da Amazon e encontrou um livro que falava praticamente sobre a sua vida no escritório. Sem pensar duas vezes clicou no ícone de compra e quando se deu conta estava lendo um romance erótico sobre um chefe e sua secretária.

Apesar de acender desejos antes desconhecidos, o livro não mudou muito o estilo de trabalho da Megan e do Sr. Ryan. Porém, quando ela concluiu as leituras dos volumes disponíveis e então decidiu entrar em contato com a autora sua vida mudou completamente. Ela se transformaram em melhores amigas, e Nathália, a autora, era praticamente a única amiga de Meg. Conversa vai, conversa vem, os assuntos tornaram-se cada vez mais pessoais e Nathália dava muitos pitacos na relação de Meg com seu chefe no trabalho.
A vida seguia seu curso normal e Meg decidiu ser um pouco mais tolerante com o seu chefe, seguindo as dicas da escritora amiga. Então, foi com total surpresa que a jovem secretária recebeu a notícia: Nathália não existia, a franquia da secretária que conquistou todo o mundo foi, na verdade, escrita pelo Sr. Ryan, o insuportável e bilionário chefe de Meghan.

Ainda assustada com a revelação e completamente sem saber o que fazer, já que ela realmente abriu seu coração para a bendita escritora, Meg recebe uma nova bomba. Está na hora de Nathália participar de alguns eventos literários, mas Nathália não existe, então o chefe convence Meghan a fingir ser a escritora e participar dos eventos necessários.
Agora Meg finge ser quem não é enquanto descobre que sente um pouco mais que revolta pelo chefe e também percebe que ele quer mais dela do que a interpretação de uma autora. Parece que ainda tem muita água para rolar por debaixo dessa ponte.
***
O que mais me chamou atenção neste livro foi a ideia de protagonista ter uma segunda face, não é uma coisa que costumamos ver em romances eróticos e eu fiquei ansiosa para descobrir como toda a história se desenrolaria. Melanie tem uma narrativa bem fluída e intensa, com alguns detalhamentos de cena que aproximam o leitor da trama e tornam quase impossível largar o livro antes do final.

Os protagonistas são bem intensos e com personalidade forte. Confesso que, no entanto, fiquei incomodada com algumas atitudes da Meg. Ela tornou-se muito submissa de tudo e de todos e mal tinha tempo para si própria. O Ryan também não faz a linha mocinho, em muitos pontos da trama eu só queria que a Meg desse um pé na bunda dele para que aprendesse a ser gente.
Posso dizer que a trama segue sem personagem secundário algum, praticamente. Exceto os pais de Meg, que aparecem vez ou outra, e uma editora do Ryan, a história realmente foca no casal protagonista e no desenvolvimento da trama a partir das descobertas deles.

Eu curti a história, mas confesso que achei um pouco mal explorada. A autora buscou o caminho fácil para resolver todos os problemas, quando poderia ter se aprofundado mais em alguns temas, tornando o livro ainda mais envolvente. No fim das contas, foi uma leitura mediana, mas que eu super indico para quem curte o tema. Foi interessante ver uma narrativa erótica que poderia ser levada ao clichê sendo explorada por outros ângulos.
♥♥♥
Espero que tenham curtido a resenha. Me conta aí se você ficou interessado na leitura, se já leu, o que achou. Vamos conversar 🙂 Nos vemos em breve ♥

Beijocas e até a próxima!!!
***
Esta postagem está concorrendo ao TOP Comentarista!
Clique AQUI e saiba como participar.

Ei, eu sou a Barb, tenho 27 anos, sou baiana, estudei Letras e compartilho conteúdo desde 2010 na internet. Por aqui, escrevo sobre tudo que faz meu coração bater mais forte.

Se inscreva no meu canal do youtube

Além do meu amor pela leitura e pelas histórias de romance, eu compartilho vlogs sobre a minha rotina e trabalho, mostrando como é a vida de uma baiana morando em Madrid, na Espanha.

Ei, inscritos no Telegram

Faça parte do nosso grupo aberto e gratuito no Telegram. Lá os inscritos recebem novidades, conteúdos exclusivos, além de um podcast semanal (em áudio) sobre o que se passa na mente da criadora de conteúdo.

Telegram

Quer receber minha newsletter?

Vamos conversar mais de pertinho? Enviamos conteúdos semanais sobre assuntos mais intimistas: reflexões sobre a vida e situações cotidianas.