sobre livros e a vida

02/11/2016

Tá Na Estante :: ‘A Protegida’ #593

Heeey, gente. Tudo bem??

No post de hoje vou contar sobre um livro que devorei e que quero ver todos vocês devorando. Uma história de romance, mistério e muita ação. Tá preparado? Então vamos!

Livro: A Protegida
Autora: Bia Braz
Editora: Arwen
Páginas: 704
Sinopse: O atentado no trem de Londres em 2005 marcou a sociedade inglesa. Anos se passaram, e o receio de novos ataques mantém o país em cautela. Todos os dias, novos idealistas são recrutados para integrar essa ameaça invisível ao mundo. Em meio à dor e à tentativa de continuar a viver após as perdas, pessoas diferentes têm seus caminhos cruzados.

Lisy teve seu nome mudado e adotou uma nova identidade para fugir de ameaças, comprometendo-se a uma vida com regras mais rígidas e menos liberdade, porém segura.



Brilhante esportista e estudante de Ciências Nucleares, Nicholas Spencer vê seus mundos entrarem em conflito ao envolver-se com a enigmática ruiva Kat, que aparece e desaparece do seu mundo misteriosamente, e ao desenvolver amizade com Lisy, que de um modo sutil passa a integrar seu mundo e torna-se necessária nele. 


O arrogante e superior jogador enreda-se num mundo de intrigas, ameaças, preconceito, violência e perigo ao envolver-se com mulheres que o atrai de maneiras diferentes, mas lhe são inalcançáveis.


O quanto um homem é capaz de dividir-se?

Sedutor, fascinante e cheio de reviravoltas, A Protegida irá despertar emoções de sorrisos a revolta no leitor, também é garantia de muito romance, entrega e companheirismo.



Compre aqui ou aqui.

Nicholas Spencer é o homem dos sonhos de todas as mulheres. Jogador de futebol, famoso e gato, muito gato; é daqueles garotos que não quer se amarrar e adora uma balada com os amigos após o jogo. Em uma dessas baladas ele conhece Katzen, uma ruiva atraente e misteriosa. Apesar de ser o completo oposto do estilo de garotas com as quais Nicholas costumar ficar, a jovem chama a atenção dele de forma instantânea, mas já mostra que não está aberta a nada que ele queira. Difícil!

Apesar de ser um jogador famoso, o jovem não largou de lado os estudos, e para realizar o sonho do pai, morto em um atentado alguns meses atrás, ele estuda Ciências Nucleares. Na aula ele conhece Lindsay, uma jovem muçulmana que, ele não sabe o porquê, desperta um extinto protetor dele. Mesmo não querendo muito contato, Lisy acaba se aproximando mais e mais dele e derrubando as barreiras que o tempo a ensinou a erguer. 

Agora os dois se tornaram amigos e ela é praticamente a única pessoa para quem Nicholas fala sobre Katzen. A jovem ruiva vira a cabeça do mocinho, principalmente por mostrar para ele que um relacionamento entre eles seria quase impossível. Mas como vocês sabem, impossível é mais interessante, e Nicholas move céus e terras para ter sua ruivinha ao seu lado.
Entretanto, apesar de um triângulo amoroso bem intenso, este não é o foco principal do livro e sim o mistério que envolve os personagens, principalmente pelo fato de Lisy aparentar estar sempre correndo perigo, não só por algo externo, mas dentro da própria universidade, graças aos preconceitos dos colegas. 
Nicholas não sabe onde está se metendo, só sabe que encontra-se atraído por duas jovens de formas completamente diferentes. ambas inalcançáveis. Lindsay, além de ser protegida, por ser noiva de um Sheik e Katzen por sumir e aparecer como chuva no verão. 
***
Intenso, misterioso, extasiante e romântico. Quatro palavras que definem grande parte dessa história. Com uma narrativa absolutamente fluida, Bia Braz criou uma trilogia dentro de um único livro, levando o leitor a uma rede de mistérios absolutamente surpreendente e causando as mais diversas emoções durante a leitura. 
Além dos protagonistas, uma gama de personagens secundários criam uma história paralela dentro da trama, nos envolvendo ainda mais na história e tirando o foco dos grandes problemas que são o centro da cena. Por ser dividido em três partes, o livro vai se desenvolvendo aos poucos e muitas vezes retornamos a algumas cenas para vê-las de outro ponto de vista. Achei isso interessante, pois em alguns casos passamos a entender a história de outras formas. 
Três protagonistas intensos e que sabem o que querem, mas que não podem ter o que querem. O livro aborda, de forma aberta, sobre como os problemas amadurecem as pessoas e como o amor pode curar, mesmo que aos poucos. Além disso traz temas polêmicos, como o preconceito religioso, estupro e vícios, fazendo uma crítica a sociedade atual, mesmo com uma história que se passa em uma ambiente completamente diferente. 
Mesclando romance e mistério, dentro de uma história recheada de ação, descobertas e redescobertas, Bia Braz criou um livro que nos instiga e nos faz querer mais. Daquelas histórias que faz com a gente questione muitas das coisas pelas quais já passamos e sobre como iremos agir em situações futuras. Com uma pequena dose de erotismo, ela deixou o livro ainda mais enlouquecedor e único. Indico muito e preciso de mais dessa história!
Confiram a minha resenha em vídeo.

Beijocas e até a próxima!
***
Esta postagem está concorrendo TOP COMENTARISTA.
CLIQUE AQUI e saiba como participar!
*O espaço para esta resenha foi patrocinado pela autora, mas a minha opinião não.

Ei, eu sou a Barb, tenho 27 anos, sou baiana, estudei Letras e compartilho conteúdo desde 2010 na internet. Por aqui, escrevo sobre tudo que faz meu coração bater mais forte.

Se inscreva no meu canal do youtube

Além do meu amor pela leitura e pelas histórias de romance, eu compartilho vlogs sobre a minha rotina e trabalho, mostrando como é a vida de uma baiana morando em Madrid, na Espanha.

Ei, inscritos no Telegram

Faça parte do nosso grupo aberto e gratuito no Telegram. Lá os inscritos recebem novidades, conteúdos exclusivos, além de um podcast semanal (em áudio) sobre o que se passa na mente da criadora de conteúdo.

Telegram

Quer receber minha newsletter?

Vamos conversar mais de pertinho? Enviamos conteúdos semanais sobre assuntos mais intimistas: reflexões sobre a vida e situações cotidianas.