sobre livros e a vida

26/06/2016

Tá Na Estante :: ‘O Preço do Sangue’ #545

Oi, gente. Tudo bem?

Ontem estava aqui e hoje já estou de volta, hehe. Daqui a pouco vão enjoar de me ver. Mas então. Eu sou a Denise, do blog Sacudindo as Palavras, e mais uma vez vim, a convite do Leo, falar de uma das minhas leituras mais recentes. Vamos conferir?!

Livro: O Preço do Sangue

Série: Aliados & Assassinos (#01)
Autor: Justin Somper
Editora: Galera Record
Páginas: 378
Sinopse: Nova saga do autor da série best-seller mundial Vampiratas. Após a misteriosa morte do irmão, Jared se torna o Príncipe de Toda a Archenfield. Aos 16 anos, no entanto, não acredita estar preparado para governar e enfrentar o caos que toma conta de todo o Principado, além de todas as intrigas que assolam toda a corte. Jared mergulha numa investigação que pode colocar em risco não apenas a sua vida, mas a de todos os seus amigos e familiares. O passado do seu irmão logo se torna turvo e cheio de mistérios. Muitos poderiam ter motivos para matá-lo. Mas quem? O preço de sangue deve ser pago. O assassino do Príncipe deve morrer. Mas Jared sequer sabe em quem pode confiar.
Em O Preço do Sangue, que é o primeiro livro da série Aliados & Assassinos, somos apresentados ao Principado de Archenfield. Quem comanda o Principado é o Príncipe Anders, que foi assassinado misteriosamente. Após sua morte, seu irmão Jared, de 16 anos, se torna o novo Príncipe de Toda a Archenfield. Ele, que não se sente nada preparado para comandar, se vê obrigado a enfrentar todo o caos e as intrigas de toda a corte.

Como o novo Príncipe, Jared também precisa confiar no Conselho dos Doze, que devem guiá-lo e orientá-lo sobre todos os assuntos. O Conselho dos Doze é composto por 12 pessoas super importantes para Toda Archenfield, que são: o Guarda- Costas, o Poeta, o Sacerdote, a Apicultora, o Lenhador, o Caçador, o Capitão da Guarda, o Lacaio, a Cozinheira, o Carrasco, o Médico e a Falcoeira.

Mas será que o novo Príncipe deve confiar nessas pessoas depois do misterioso assassinato de seu irmão? Será que algum membro do Conselho dos Doze teria interesse em causar o caos no reino para conseguir o que quer? É isso que o Príncipe vai tentar descobrir com a ajuda de Asta Peck, que é a sagaz aprendiz do Médico.

Eles então embarcam numa investigação para tentar descobrir quem assassinou o Príncipe Anders, para garantir que o Preço do Sangue seja pago e o assassino não saia impune. Mas essa investigação pode colocar não só Jared em perigo, mas todos os seus amigos e familiares. Então se você quer descobrir se essa investigação vai dar algum resultado e se vão conseguir capturar o assassino, você deve ler este livro.

Para quem foi convencido ou ficou curioso a ler esse livro porque falam que “fãs de Game of Thrones vão gostar”, posso dizer que não é bem por aí. O livro tem um cenário mais medieval e o modo como a política e as regras são aplicadas são bem parecidos com a dos livros do George R.R. Martin, mas as semelhanças param por aí. Mas isso não quer dizer que o livro não é bom, pelo contrário.

” – No meio da vida existe a morte – falou ele. – E no meio da morte existe a vida.”

O começo do livro é bem parado. Começa com eles apresentando o cenário e o descobrimento da morte do Príncipe Anders. Até a hora que Jared começa a sua investigação, o livro é bem monótono. Mas após Asta começar a se envolver, o livro dá uma guinada e você não consegue mais largá-lo.
Justin Somper consegue envolver o leitor de tal forma nos acontecimentos que ficamos surpresos toda vez que algo é revelado. Tentei por diversas vezes bolar teorias de quem tinha sido o assassino e todas elas foram por água abaixo, pois o autor cria diversas possibilidades e isso acaba dando um nó que você já não sabe mais em quem apostar que é o culpado.

O livro é narrado em terceira pessoa e isso faz com que o leitor tenha diversos lados da história. Gostei disso e do fato de que o assassino é revelado no primeiro livro. Mas o autor deixou um gancho muito bom para o próximo, que já estou com vontade de ler. 
O livro está bem bonito, apesar de achar que essa capa não combinou muito com a história. O livro também tem um espaçamento bom e letras de um tamanho confortável.
O Preço do Sangue é um livro que não tem muita ação e batalhas, mas recomendo para você que gosta do bom e velho mistério com aquela pitada de política. 

Beijinhos e até mais!

***
Esta postagem está concorrendo ao TOP COMENTARISTA.
Clique aqui e saiba como participar.

Ei, eu sou a Barb, tenho 27 anos, sou baiana, estudei Letras e compartilho conteúdo desde 2010 na internet. Por aqui, escrevo sobre tudo que faz meu coração bater mais forte.

Se inscreva no meu canal do youtube

Além do meu amor pela leitura e pelas histórias de romance, eu compartilho vlogs sobre a minha rotina e trabalho, mostrando como é a vida de uma baiana morando em Madrid, na Espanha.

Ei, inscritos no Telegram

Faça parte do nosso grupo aberto e gratuito no Telegram. Lá os inscritos recebem novidades, conteúdos exclusivos, além de um podcast semanal (em áudio) sobre o que se passa na mente da criadora de conteúdo.

Telegram

Quer receber minha newsletter?

Vamos conversar mais de pertinho? Enviamos conteúdos semanais sobre assuntos mais intimistas: reflexões sobre a vida e situações cotidianas.