sobre livros e a vida

28/05/2019

Tá Na Estante :: ‘Cinder’

Em um mundo futurístico, humanos, ciborgues, androides e lunares (habitantes da lua) interagem e compõe a nova sociedade da Terra. Nesse universo distópico em que a quarta guerra mundial aconteceu a mais de cem anos e um surto de letumose – uma doença letal vem massacrando a população, vive Lihn Cinder, uma garota ciborgue que sabe pouco sobre seu passado, pois foi adotada por um misterioso cientista que logo faleceu, deixando-a aos cuidados da madrasta e as duas irmãs.

A madrasta enxerga Cinder como um fardo deixado pelo marido, e não vê outra utilidade para a enteada além da garantia de sustento do próprio lar e das filhas, já que Cinder é considerada a melhor mecânica de Nova Pequim. Por esse motivo Cinder é obrigada a trabalhar para trazer recursos para casa.

E enquanto a madrasta e as irmãs se ocupam com vestidos, bailes e fitas, ela suja as mãos em sua tenda de trabalho e faz os serviços domésticos para se mostrar grata, obediente e garantir um teto sobre a cabeça.

Mas a vida de Cinder muda drasticamente quando o Príncipe Kai, o herdeiro do trono aparece pessoalmente em sua tenda em busca dos melhores serviços de mecânica para seu androide. Cinder jamais sonhou estar frente a frente com o príncipe como acontecia com suas irmãs, mas a presença de Kai a desestabiliza emocionalmente e por esse motivo ela omite sua verdadeira origem e se permite ser tratada como uma jovem humana comum, já que suas partes robóticas não ficam em evidência.

Em contrapartida, Kai se surpreende ao encontrar uma jovem tão bela, simpática e eficiente em seu ofício. Seria possível um romance entre uma humilde mecânica e um Príncipe?

Em Nova Pequim, a letumose vem ganhando mais força e dizimando a população, inclusive o próprio Rei, que fica mais doente a cada dia. Apesar dos esforços de Kai e dos cientistas do reino que trabalham dia e noite para encontrar uma cura, os resultados continuam desanimadores. Toda pessoa contaminada pela doença não sobrevive por muito tempo e ciborgues estão sendo entregues como cobaias para estudo nos laboratórios do palácio.

Como se não bastasse lidar com todo o caos que se transformou a Terra, o príncipe precisa escolher sua pretendente no baile que se aproxima. E embora Cinder queira participar do evento, sabe que sua madrasta jamais permitiria, tampouco lhe compraria um vestido novo.

Tudo piora quando Levana, a cruel e fria Rainha Lunar decidi vir a Terra com a proposta de um acordo de casamento com o príncipe. Tal acordo evitaria um confronto com nosso planeta e garantiria uma possível cura contra a doença que assola a população. Mas será que a Levana realmente tem boas intenções?

***

Embora seja uma releitura inspirada na história de Cinderela, Marissa Meyer criou um universo diferente e único para Cinder, usando elementos do clássico que conhecemos desde a infância, mas mudando todo o contexto da trama. O resultado? Uma distopia futurística de tirar o fôlego.

Nessa história, a mocinha não é a típica garota maltratada que encontra libertação somente nos braços de seu amado príncipe. Pelo contrário, Cinder é corajosa, altruísta e fará de tudo o que estiver ao seu alcance por aqueles que ama e por sua própria vida. Kai também não é o príncipe ao qual estamos acostumados nos contos de fada. Ele é leal, cavalheiro e ciente dos seus deveres, foi impossível não me apaixonar por ele.

Com uma narrativa leve e fluída, personagens bem construídos, e uma trama que aborda embates políticos, romance e briga pelo poder, Cinder inicia As Crônicas Lunares com o pé direito, mostrando que ainda é possível inovar quando se trata de releituras.

Ei, eu sou a Barb, tenho 27 anos, sou baiana, estudei Letras e compartilho conteúdo desde 2010 na internet. Por aqui, escrevo sobre tudo que faz meu coração bater mais forte.

Se inscreva no meu canal do youtube

Além do meu amor pela leitura e pelas histórias de romance, eu compartilho vlogs sobre a minha rotina e trabalho, mostrando como é a vida de uma baiana morando em Madrid, na Espanha.

Ei, inscritos no Telegram

Faça parte do nosso grupo aberto e gratuito no Telegram. Lá os inscritos recebem novidades, conteúdos exclusivos, além de um podcast semanal (em áudio) sobre o que se passa na mente da criadora de conteúdo.

Telegram

Quer receber minha newsletter?

Vamos conversar mais de pertinho? Enviamos conteúdos semanais sobre assuntos mais intimistas: reflexões sobre a vida e situações cotidianas.