sobre livros e a vida

04/02/2013

Ta Na Estante… ‘Belo Desastre’ #66

Heey gente, tudo bem??

Segunda-Feira de volta às aulas e eu trago a resenha de um livro que foi muito comentado ano passado, Belo Desastre. Antes de qualquer coisa, devo informar que a autora da obra, Jamie McGuire, estará na Bienal do Livro, no Rio de Janeiro, este ano.

Livro: Belo Desastre                                                          Autor: Jamie McGuire
Editora: Verus
Páginas: 389
Sinopse: Abby Abernathy é uma boa garota. Ela não bebe nem fala palavrão, e tem a quantidade apropriada de cardigãs no guarda-roupa. Abby acredita que seu passado sombrio está bem distante, mas, quando se muda para uma nova cidade com America, sua melhor amiga, para cursar a faculdade, seu recomeço é rapidamente ameaçado pelo bad boy da universidade. Travis Maddox, com seu abdômen definido e seus braços tatuados, é exatamente o que Abby precisa – e deseja – evitar. Ele passa as noites ganhando dinheiro em um clube da luta e os dias seduzindo as garotas da faculdade. Intrigado com a resistência de Abby ao seu charme, Travis a atrai com uma aposta. Se ele perder, terá que ficar sem sexo por um mês. Se ela perder, deverá morar no apartamento dele pelo mesmo período. Qualquer que seja o resultado da aposta, Travis nem imagina que finalmente encontrou uma adversária à altura. E é então que eles se envolvem em uma relação intensa e conturbada, que pode acabar levando-os à loucura.

“Você é a única coisa certa na minha vida.”



Belo Desastre não foi um livro que me conquistou de cara. Na verdade abandonei-o duas vezes antes de pegar firme. Acho que esse tempo entre os abandonos me amadureceu quanto a história narrada no livro, já que as resenhas e comentários que eu lia mostravam-me que a obra não se trava do que eu imaginava.

Primeiramente tachado como um livro erótico, Belo Desastre conta a história de Abby Abernathy, uma jovem universitária certinha demais, focada nos estudos, mas que sempre está acompanhado sua melhor amiga, America, nas festas das fraternidades da faculdade. Muitas dessas festas na verdade são lutas, lutas essas quais Travis Cachorro Louco Maddox está sempre vencendo, e sim, Travis é o mocinho  ou vilão da história.

Abby e Travis começam um relacionamento baseado na amizade. Ela não é como as outras garotas com as quais ele costumava sair, na verdade ela nem da bola para ele, isso faz com que o seu fascínio por ela cresça a cada momento. A Universidade inteira desconfia dessa amizade entre o casal, afinal nenhuma mulher resiste ao charme do Cachorro Louco e ele não poderia ser apenas amigo de uma pessoa do sexo oposto.

Então temos um livro centrado nessa amizade-namoro-rolo entre duas pessoas completamente diferentes, mas que se aceitam e se curtem, e que a cada encontro trazem um turbilhão de emoções para as páginas do livro. Apesar de um tema bem clichê (a menina boba que se apaixona – ou não, pelo gatão da faculdade), Jamie conseguiu alcançar a perfeição com seus personagens criando uma mocinha encantadora; ela é dócil e valente, corajosa e temerosa, uma mistura bem dosada de qualidade e defeitos; e temos um mocinho que é muito vilão, Travis consegue ser maravilhoso mesmo aprontando merdas em 99% do livro.

Ah, devo afirmar que o erótico passa voando nessa história. Sim, temos uma tensão sexual entre os protagonistas e co-protagonistas, uma ou duas cenas de sexo, mas nada Uau, que erótico. E, na verdade, eu acho que o erotismo acabaria com a obra, pois perderíamos o foco dos problemas do casal em si, e nos focaríamos no sexo. E fala sério, com uma história tão perfeita, sexo é consequência.

Um segundo livro está para ser lançado, Walking Disaster, mas ele não será uma continuação de Belo Desastre, e sim a mesma história, só que narrada no ponto de vista de Travis. Não sou muito fã de ler a mesma história narrada em dois pontos de vista, mas acredito que essa eu lerei.

“Um brinde! Aos babacas! E às garotas que partem o coração da gente. 
E ao horror de perder sua melhor amiga porque você foi idiota o
 bastante para se apaixonar por ela.”
Beijoos

Ei, eu sou a Barb, tenho 27 anos, sou baiana, estudei Letras e compartilho conteúdo desde 2010 na internet. Por aqui, escrevo sobre tudo que faz meu coração bater mais forte.

Se inscreva no meu canal do youtube

Além do meu amor pela leitura e pelas histórias de romance, eu compartilho vlogs sobre a minha rotina e trabalho, mostrando como é a vida de uma baiana morando em Madrid, na Espanha.

Ei, inscritos no Telegram

Faça parte do nosso grupo aberto e gratuito no Telegram. Lá os inscritos recebem novidades, conteúdos exclusivos, além de um podcast semanal (em áudio) sobre o que se passa na mente da criadora de conteúdo.

Telegram

Quer receber minha newsletter?

Vamos conversar mais de pertinho? Enviamos conteúdos semanais sobre assuntos mais intimistas: reflexões sobre a vida e situações cotidianas.